.
Dança de Salão Interacto


mural - Artigos

:: Resenha: Chega de Saudade

Chega de Saudade, segundo longa-metragem de Laís Bodansky (O Bicho de Sete Cabeças), desenvolve um recorte da sociedade brasileira pouco explorado pelo cinema: os salões de baile. Bastante populares em São Paulo, os “bailes da saudade”, como são conhecidos, são vistos com uma forma humana e sensível por esta obra de ficção, baseado em roteiro original de Luiz Bolognese.

O título, Chega de Saudade, relaciona-se à forma como estas festas são vistas pelos não-freqüentadores, como “bailes da saudade”. Os personagens do filme, baseados em figuras reais, não giram em torno do seu passado, mas vão aos bailes para viver o presente. O “independentemente da idade” seria fácil e óbvio nesta sentença, e é o que o filme se propõe a tratar. A festa que ocorre durante o desenvolvimento da trama é mero artifício de ambientação para que lá transitem personagens ricos, fascinantes e honestos.

As histórias e personagens de Chega de Saudade circulam numa única e intensa noite num baile paulistano. O filme insere o espectador nessa festa ao mostrar desde a instalação do som, a chegada do DJ e também a dos que pretendem se divertir a noite, que começa antes mesmo do sol se por. A rotina é pré-definida: as pessoas já se conhecem, já dançaram juntas e sabem o que esperar da noite. No entanto, a presença de uma jovem curiosa é capaz de acender sentimentos intensos que, apesar de adormecidos, nunca deixaram de existir.

Na fotografia do drama (Walter Carvalho), as câmeras são posicionadas de tal maneira no salão que o espectador sente-se inserido na noite que o filme retrata. O público dança e sente como se fizesse parte do evento. A trilha sonora, com clássicos da gafieira e outros ritmos, ditam Chega de Saudade. O filme trata temas difíceis – como a libido e a sensualidade presentes nos bailes - de uma forma delicada e honesta.

O elenco de Chega de Saudade reúne atores de diferentes gerações:
Tônia Carrero, Leonardo Villar, Maria Flor, Paulo Vilhena, Betty Faria, Cássia Kiss e Stepan Nercessian. Juntos, representam um painel tão diverso, de emoções transbordantes, formado por ricos e complexos personagens que transformam Chega de Saudade num filme único.





Voltar
Dança de Salão São Paulo | Zona Norte | Casa Verde
Escola de Dança: aulas e cursos de dança de salão